De 7 em 7

7em7

“Nossa biografia é um organismo. Cada experiência pela qual passei tem a ver com a minha identidade. Nada aconteceu ao acaso.” (J.M)

Semama q vem vou fazer 35 anos. Todo ano passo por um “inferno astral” nos dias q precedem meu aniversário. Este ano está diferente. depois das lições q tive estou + serena e centrada, como se estivesse me preparando p uma “passagem”. E realmente estou, pois estou me despedindo do 5º ciclo e entrando no 6º ciclo dos meus Setênios.

Os Setênios, ou “Teoria dos Setênios”, desenvolvida por Rudolf Steiner, divide nossas vidas em  ciclos com 7 anos de duração q provocam períodos de crise comuns às pessoas e representam mudanças em nossas vidas. Cada setênio apresenta momentos claramente diferenciáveis, nos quais surgem ou despertam interesses, perguntas latentes e necessidades concretas, influenciando todo o desenvolvimento pessoal.

Em resumo, cada setênio é dividido da seguinte forma:

  • 0 a 7 anos – O Ninho. Interação entre o individual e o hereditário.
  • 7 a 14 anos – Incentivos e Valores – Seguem-se as mudanças biológicas características da puberdade.
  • 14 a 21 anos – Crise de Identidade (Puberdade /Adolescência).
  • 21 a 28 anos – Experimentando limites / Crise dos talentos
  • 28 a 35 anos – Fase Organizacional
  • 35 a 42 anos – Crise de Autenticidade – Começamos a nos perguntar: “Para que todas estas conquistas? Qual meu valor no mundo? Estou no emprego certo?”.
  • 42 a 49 anos – Altruísmo X querer manter a fase expansiva
  • 49 a 56 anos – “Ouvir o Mundo”
  • 56 a 63 anos (e adiante) – Abnegação / Sabedoria / Arte

Os 3 primeiros setênios (0 – 21 anos), são conhecidos como setênios do corpo, e estão relacionados ao nosso amadurecimento (físico, emocional e racional). São estes os ciclos q determinarão muito de nossa personalidade adulta. De 21 a 42 anos temos os setênios da alma, uma fase de decisões; onde após ter vivenciado e experimentado diferentes sensações na juventudes, precisamos optar por quais caminhos seguir. Daí em diante, estamos livres e sábios para viver; é onde o ser humano se liberta.

Após passar pela “escola dos setênios” pode-se morrer simbolicamente ou viver uma fase muito produtiva através da experiência e lições q adquirimos. Saber reconhecer seus ciclos pode trazer um grande benefício, podendo ajudar na compreensão de si mesmo e do próximo. Um verdadeiro exercício de paciência e autoconhecimento. Assim, pode-se lançar um olhar para o passado, centrar-se no momento presente e propor metas para o futuro, e desta forma tomar o destino nas próprias mãos.

Estou me sentindo como os animais que tem q abando nar sua antiga pele para continuar crescendo. E essa ruptura gera dor, questionamentos, medo mas, à medida em que a pele vai se rompendo, um novo mundo e uma nova visão vão surgindo. E é assim q me sinto, na reta final de ruptura de pele, e reconhecendo o mundo com um novo olhar.

– – – – – – – – – –

Para saber + sobre os Setênios e detalhes de cada ciclo, tenho as seguintes indicações:
http://www2.uol.com.br/vyaestelar/seteciclos.htm
http://www.vadiando.com/textos/archives/000714.html
http://elianeutescher.wordpress.com/category/sexto-setenio/
(aqui está no meu próx setênio, mas vc encontrará outros setênios no menu lateral
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s