Hermanitu

Sabe aquele dia q vc está destruída? Pois é, eu estava assim ontem. Um ser alienígena, conhecido como ‘espinha’ no planeta Terra, se alojou no meu nariz, já entupido de tanta gripe. Cabelo sujo, roupa velha p fazer caminhada.

De repente, um telefonema:

– Oi Môôô… (versão compacta de “Amooor…”) – Era minha hermanita. Sabe aquelas amigas q vc adota e vira irmã + velha??

– Mô…. preciso de um favor seu importantíssimo! Vai ter show do Manitu hj, e eu não tenho ninguém p ir comigo… Vc pode ir?

(Situando: Ela tinha ido ao show do Manitu semanas atrás, e se encantou pelo vocalista. O CD do Manitu rodava no Player dela = ao desenho do Surfin Bird!! O próximo show seria em Montes Claros, mas uma boate daqui fechou um projeto com eles para dezembro. Como negar esse pedido de uma fã apaixonada?)

– Claro meu bem!! Te pego + tarde.

– Oba Lelê!!! Te amo!

Lá fui eu p casa. Cheguei lá, minha mãe estava fazendo uma macarronada deliciosa. Tomei um banho p tentar acordar, e caí de boca na iguaria. Então meu estado era o seguinte: um alien no meu nariz, muco tomando conta de mim e agora de barriga cheia. Olhei p minha cama e falei: “Hj só + tarde”…

Me produzi o suficiente para não ficar com cara de zumbi e fui buscar minha hemanita. Cheguei lá e já ouvi um “Uhuuuuuuuuu!!”, com o fundo musical de quem? Manitu! A animação dela me alegrou, e tentei de todas as formas me conciliar com o alien nasal e esquecer q eu era puro muco e sono.

Chegamos no show quase meia noite, minha hermanita, eu e o alien nasal. Me lembrei rapidamente da minha cama. Nunca me senti tão velha na vida. Acho q o ser + velho depois de mim deveria ter uns 23 anos. Bom, mas “como quem está na chuva é p se molhar”, entrei no clima e comecei a dançar. As músicas eram ótimas, e o lugar é bem bonito. Sem falar q minha hermanita estava em êxtase, contando os minutos p começar o show.

De repente, um grito: AAAAAAHHHHHH! Quase engasguei com a Ice q eu estava tomando e olhei em pânico:

– “Quê issooooo?

– “Ai Môôô…. Vai começar!!! Uhuuuuuuuuu!! Ahhhhh!!”

Respirei aliviada e vi q não tinha nada a ver com 2012 ou coisa parecida com armagedon.

Começou o show e fomos p o gargarejo. Ficamos tão perto q hj acordei com torcicolo de tanto olhar p cima. A banda é uma delícia, as músicas são fofas. Mas tenho certeza q minha hermanita nem queria saber disso, pois ela só gritava: Lindo! Lindo! Te amo! Realmente ele é uma gracinha, e fiquei torcendo p essa paixão ser recíproca. Enquanto isso eu balançava ao som da melodia, pois eu não sabia nenhuma letra. De vez em quando eu adivinhava o final da rima, tipo “amor” com “dor”. Minha hermanita sentiu meu drama e me ensinou o refrão de uma música: -“Mô, essa é fácil, é só cantar: ‘Fico aqui a te esperar’… Pronto! Agora eu era uma expert em Manitu! Cantei essa frase até o fim do show, mesmo depois de a música ter mudado.

No geral me diverti bastante vendo a cena dela maravilhada com o rapaz, cantando todas as vírgulas da música. Mas o q eu + gostava era do abraço q ela me dava de 5 em 5 minutos, seguido de um “Obrigada por tudo!” Isso me renovava a alma, e eu até esquecia do cara “podicrê” q estava ao meu lado, com dreads q insistiam em esbarrar no meu ouvido a cada coreografia a la Bob Marley q ele fazia. Nessas horas eu me lembrava dos “Bastardos Inglórios” e queria honestamente ter uma foice p escalpelar o indivíduo.

Estava tudo indo bem, até q ela recebeu a notícia q o vocalista tinha namorada e q a mesma estava lá. Ela manteve a pose de feliz, mas senti q uma nuvem passou pelo seu olhar. Essa hora o instinto de irmã falou + alto, esqueci do alien nasal e do muco q já estava me invadindo, e comecei a dançar super animada, gritando “Uhuuuu” e mexendo com ela o tempo todo. Ficamos assim um tempinho, até q ela falou q queria ir embora. Topei na hora. Na saída ganhei um CD, acho q agora aprendo as letras…

Para levantar o astral dela, passei na Praça da Liberdade q já apresentava sua decoração de natal. Ela, maravilhada: “Que lindo Mô! Nossa…” Ficamos lá um tempinho curtindo a maravilha iluminada e fomos embora p casa. Chegando lá, ganhei um abraço demorado e apertado:

“-Mô, obrigada por tudo. Vc não existe. Vc pode me chamar p o que vc precisar, até p ver Disco Voador 6ª feria às 3 horas da manhã q eu vou!!”

Fiquei emocionada. Companheira e companheira mesmo. Fui dormir feliz. Adorei a noite, mesmo com muco e alien. Por falar em Alien, será q minha hermanita já tem programa p essa 6ª feira de madrugada? rsrs

Anúncios

Uma resposta em “Hermanitu

  1. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk…

    Môôôôôôôôôôôôôôôôôôôô..!!!!!!!! Vc não existeeee!!!! Eu to rachando aki até agora!!! HAHAHAHAHAHAHAHA… Companheiríssima de todas as horas!!! Não poderia haver melhor!!! Isto é q é Hermanita!!!
    Um abraço a cada 5 minutos!!! kkkkkk..

    Hermanituu???? AHAHHAHHHAA..AMEIIIII!!!!!!!!!

    TE AMOOO!!! TE AMOOO!! TE AMOOOOO!!!

    Opaa!!! Na sexta de madrugada tô livre!!!! O q q a gente vai fazer mesmo?? hehehe…

    bjaoooooooooooooooooooo!!! AMOO!!!

    Hermanita.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s